Skip to main content

Posts

Showing posts from July 21, 2013

E, a culpa segue sendo do Fidel.

Ando morta de saudade.  Saudade dói, não tem tradução, é difícil de explicar. Não é lembrança, nem nostalgia, nem vontade de.  A Saudade é feminina. Forte, decidida, composta , complexa, machuca, alegra, transporta, marca encontros, estabelece, flui como riacho em busca do mar. Sofre e, é sofrida. Busquei motivos, demarquei fronteiras, rasguei lembranças, quebrei a nostalgia em cacos pequenos bem pequenos, viajei caminhos desconhecidos, passeei pela memória e fui desaguar no Malecón Havanero. Era madrugada alta. Silvio ( Rodriguez), tenho alguns  Silvios - Tendler, Batistela, Da Rin  que amo de paixão. Caminhamos uns passos, sentamos,  permanecemos olhando o mar.  Algo me disse  de extraterrestres, que chegam através de todas as partes do universo e vem escutar a conversa dos homens. Trocamos quase murmurando algumas palavras. Não queríamos ser ouvidos. Eu estava possuída pela saudade . Qualquer gesto torto podia quebrar a magia daquele momento. Silvio sempre esteve presente na minha v…