Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2013

E, a culpa segue sendo do Fidel.

Ando morta de saudade.  Saudade dói, não tem tradução, é difícil de explicar. Não é lembrança, nem nostalgia, nem vontade de.  A Saudade é feminina. Forte, decidida, composta , complexa, machuca, alegra, transporta, marca encontros, estabelece, flui como riacho em busca do mar. Sofre e, é sofrida. Busquei motivos, demarquei fronteiras, rasguei lembranças, quebrei a nostalgia em cacos pequenos bem pequenos, viajei caminhos desconhecidos, passeei pela memória e fui desaguar no Malecón Havanero. Era madrugada alta. Silvio ( Rodriguez), tenho alguns  Silvios - Tendler, Batistela, Da Rin  que amo de paixão. Caminhamos uns passos, sentamos,  permanecemos olhando o mar.  Algo me disse  de extraterrestres, que chegam através de todas as partes do universo e vem escutar a conversa dos homens. Trocamos quase murmurando algumas palavras. Não queríamos ser ouvidos. Eu estava possuída pela saudade . Qualquer gesto torto podia quebrar a magia daquele momento. Silvio sempre esteve presente na minha v

E, a culpa segue sendo do Fidel.

Ando morta de saudade.  Saudade dói, não tem tradução, é difícil de explicar. Não é lembrança, nem nostalgia, nem vontade de.  A Saudade é feminina. Forte, decidida, composta , complexa, machuca, alegra, transporta, marca encontros, estabelece, flui como riacho em busca do mar. Sofre e, é sofrida. Busquei motivos, demarquei fronteiras, rasguei lembranças, quebrei a nostalgia em cacos pequenos bem pequenos, viajei caminhos desconhecidos, passeei pela memória e fui desaguar no Malecón Havanero. Era madrugada alta. Silvio ( Rodriguez), tenho alguns  Silvios - Tendler, Batistela, Da Rin  que amo de paixão. Caminhamos uns passos, sentamos,  permanecemos olhando o mar.  Algo me disse  de extraterrestres, que chegam através de todas as partes do universo e vem escutar a conversa dos homens. Trocamos quase murmurando algumas palavras. Não queríamos ser ouvidos. Eu estava possuída pela saudade . Qualquer gesto torto podia quebrar a magia daquele momento. Silvio sempre esteve presente

Sara - Você sabe que saudade não tem tradução!

Amarelinha – dibuje ali de áquel lado. No, no. Deje las sillas donde están de otra forma impiden el pasage – ordenaba Choco que entendia todo de juegos en las calles. - Berthaaaa, donde pusites el peón y la peteca.? - Luego alli, en la mesa. Ves? Sara! que linda estas de marinera! No creo!. Tu dentro de mi vestido? Imposible. Mira la ropa de Silvio e Choco – tambien estan de fantásticas - sonreia la niña gigante de la Nova Trova. De Raimundo nada. Cuanta demora. Asi no aguantamos. Vamos jugar mientras él no llega – insiste Sara. En la mesa, um cake en forma de trencito algunos juguetes bobos y toda la sala adornada com preservativos inflados de aire y pintados de diversos motivos. Más bello imposible. Para beber água de Jamaica, de limón, mineral minorando el calor de tanta traquinaje. Saltar, reir, sambar um sincopado numa explosión de alegria. No sé pero pienso que jamás hemos vividos momentos de tanta felicidade y pureza, entre los 30 y los 25 años, como estes en que poetas, trovado

Sara - Você sabe que saudade não tem tradução!

Amarelinha – dibuje ali de áquel lado. No, no. Deje las sillas donde están de otra forma impiden el pasage – ordenaba Choco que entendia todo de juegos en las calles. - Berthaaaa, donde pusites el peón y la peteca.? - Luego alli, en la mesa. Ves? Sara! que linda estas de marinera! No creo!. Tu dentro de mi vestido? Imposible. Mira la ropa de Silvio e Choco – tambien estan de fantásticas - sonreia la niña gigante de la Nova Trova. De Raimundo nada. Cuanta demora. Asi no aguantamos. Vamos jugar mientras él no llega – insiste Sara. En la mesa, um cake en forma de trencito algunos juguetes bobos y toda la sala adornada com preservativos inflados de aire y pintados de diversos motivos. Más bello imposible. Para beber água de Jamaica, de limón, mineral minorando el calor de tanta traquinaje. Saltar, reir, sambar um sincopado numa explosión de alegria. No sé pero pienso que jamás hemos vividos momentos de tanta felicidade y pureza, entre los 30 y los 25 años, como estes en que poeta

APROVAÇÃO NO REVALIDA SEGUNDO A NACIONALIDADE DOS CANDIDATOS INSCRITOS

Informação importante sobre a "corporação dos médicos" no Brasil. Repare a aprovação dos médicos brasileiros e dos cubanos e venezuelanos. Divulgue. Prestem esse serviço à saude política desse país. APROVAÇÃO NO REVALIDA SEGUNDO A NACIONALIDADE DOS CANDIDATOS INSCRITOS País de origem Nº de inscritos Nº de aprovados 2011 2012 2011 2012 Venezuela 7 11 3 (43%) 3 (27%) Cuba 16 16 3 (19%) 4 (25%) Argentina 20 10 6 (30%) 2 (20%) Peru 46 39 3 (6%) 5 (13%) Colômbia 22 30 6 (27%) 3 (10%) Brasil 393 560 31 (8%) 42 (7%) Bolívia 119 156 4 (3%) 10 (6%) Países da Europa 13 20 2 (15%) 4 (20%) Outros países da América Latina 35 38 2 (17%) 4 (10%) Países da Ásia 3 1 0 (0%) 0 (0%) Países da África 2

APROVAÇÃO NO REVALIDA SEGUNDO A NACIONALIDADE DOS CANDIDATOS INSCRITOS

Informação importante sobre a "corporação dos médicos" no Brasil. Repare a aprovação dos médicos brasileiros e dos cubanos e venezuelanos. Divulgue. Prestem esse serviço à saude política desse país. APROVAÇÃO NO REVALIDA SEGUNDO A NACIONALIDADE DOS CANDIDATOS INSCRITOS País de origem Nº de inscritos Nº de aprovados 2011 2012 2011 2012 Venezuela 7 11 3 (43%) 3 (27%) Cuba 16 16 3 (19%) 4 (25%) Argentina 20 10 6 (30%) 2 (20%) Peru 46 39 3 (6%) 5 (13%) Colômbia 22 30 6 (27%) 3 (10%) Brasil 393 560 31 (8%) 42 (7%) Bolívia 119 156 4 (3%) 10 (6%) Países da

DILMA ROUSSEFF – A PRESIDENTE GUERRILHEIRA

Faz três anos elegemos uma mulher para a Presidência da República, não uma parlamentar, ou Prefeita bem sucedida no seu mandato, não uma senadora   com experiência nos corredores das confabulações. Elegemos uma Presidenta economista, guerrilheira, decidida, valente, arrojada – sem medo de ser feliz. Dilma não veio de greves, ou movimento estudantil. Não aprendeu nos palanques  montados em praças, sindicatos,  a dialogar com o povo, nem tampouco gerenciar acordos com a classe dominante, menos ainda  contracenar com políticos de todo e qualquer matiz. Veio sim de uma experiência de gabinete, com conhecimento de causa e efeito. Conhece o Brasil. Lutou por ele. Deu seus melhores anos a causa do povo brasileiro. Foi presa pela ditadura, torturada, humilhada, encarcerada, julgada, condenada  movida pelo sonho da soberania, e da liberdade.  Juventude  adentro entendeu, que daquele jeito, o gigante que nunca esteve adormecido, este continente plural, precisava  mudar. Não hesitou. D

DILMA ROUSSEFF – A PRESIDENTE GUERRILHEIRA

Faz três anos elegemos uma mulher para a Presidência da República, não uma parlamentar, ou Prefeita bem sucedida no seu mandato, não uma senadora   com experiência nos corredores das confabulações. Elegemos uma Presidenta economista, guerrilheira, decidida, valente, arrojada – sem medo de ser feliz. Dilma não veio de greves, ou movimento estudantil. Não aprendeu nos palanques  montados em praças, sindicatos,  a dialogar com o povo, nem tampouco gerenciar acordos com a classe dominante, menos ainda  contracenar com políticos de todo e qualquer matiz. Veio sim de uma experiência de gabinete, com conhecimento de causa e efeito. Conhece o Brasil. Lutou por ele. Deu seus melhores anos a causa do povo brasileiro. Foi presa pela ditadura, torturada, humilhada, encarcerada, julgada, condenada  movida pelo sonho da soberania, e da liberdade.  Juventude  adentro entendeu, que daquele jeito, o gigante que nunca esteve adormecido, este continente plural, precisava  mudar. Não hesitou. D