Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 3, 2013

Artistas e Intelectuales do mundo em apoio a Rafael Correa Delgado e

                  porlarevolucionciudadana@gmail.com Neste   17 de Fevereiro de 2013, teremos eleições para Presidência no   Ecuador.   Lutar pela paz, igualdades e emancipação   dos povos, nos sentimos obrigados a expressar nosso apoio a RAFAEL CORREA DELGADO y la REVOLUÇÃO CIDADANIA, processo democrático que não somente materializa –se pela primeira vez   historia equatoriana um   verdadeiro projeto de justiça social para maiorias historicamente marginadas, mas também tem sido uma força fundamental en la concretização do projeto   histórico de la Pátria Grande, junto a Fidel, Hugo Chávez, Evo Morales, Cristina Fernández, Lula, Dilma Rousseff, entre outros lídereslatino-americanos. O neoliberalismo e as oligarquias nacionais, que dominaram ao largo e sofrido Século   XX, nos quiseram fazer crer que a historia já não seria mais, e que a única ordem possível   era    a do mercado seu controle hegemónico por parte del império sus seus   grupos de poder. Não   contavam   com o   despert

Artistas e Intelectuales do mundo em apoio a Rafael Correa Delgado e

                  porlarevolucionciudadana@gmail.com Neste   17 de Fevereiro de 2013, teremos eleições para Presidência no   Ecuador.   Lutar pela paz, igualdades e emancipação   dos povos, nos sentimos obrigados a expressar nosso apoio a RAFAEL CORREA DELGADO y la REVOLUÇÃO CIDADANIA, processo democrático que não somente materializa –se pela primeira vez   historia equatoriana um   verdadeiro projeto de justiça social para maiorias historicamente marginadas, mas também tem sido uma força fundamental en la concretização do projeto   histórico de la Pátria Grande, junto a Fidel, Hugo Chávez, Evo Morales, Cristina Fernández, Lula, Dilma Rousseff, entre outros lídereslatino-americanos. O neoliberalismo e as oligarquias nacionais, que dominaram ao largo e sofrido Século   XX, nos quiseram fazer crer que a historia já não seria mais, e que a única ordem possível   era    a do mercado seu controle hegemónico por parte del império sus seus   grupos de poder. Não   contavam   com o